Novidades

Amor e Sexo

Arte Corporal

Corpo e Mente

22.4.17

Mark Ryden pintor de estilo Singular de Surrealismo Pop

Misturando temas da cultura pop com técnicas reminiscentes dos antigos mestres, Mark Ryden criou um estilo singular que desdibuja as fronteiras tradicionais entre arte alta e baixa. Seu trabalho primeiro chamou a atenção nos anos 90, quando ele inaugurou um novo gênero de pintura, "Surrealismo Pop", arrastando uma série de seguidores em seu rastro. Ryden superou as estratégias surrealistas iniciais escolhendo assuntos carregados de conotação cultural.

21.4.17

Hábitos para um vida sexual satisfatória

Hábitos para um vida sexual satisfatória


Hábitos para um vida sexual satisfatória são importante ter e manter. Apesar do sexo regular não ser, por si só, uma boa razão para se comprometer com uma relação, não deixa de ser uma enorme vantagem. Mas, muitas vezes, as pessoas entram em relações e descobrem que o sexo deixa de ser regular. A insatisfação sexual pode destruir relações, mas muitos de nós somos incapazes de verbalizar aquilo que queremos e não estamos a ter. 

Hábitos para um vida sexual satisfatória 


Mas, de acordo com um estudo massivo, a satisfação sexual é algo bastante simples: os casais precisam de estar dispostos a fazer tudo.

Distribuido em 2006 pelo professor David Frederick, da Chapman University, o inquérito sexual obteve respostas de 38000 homens e mulheres, todos eles previamente envolvidos em relações nos últimos três anos. 

As perguntas do questionário que visava saber de hábitos para um vida sexual satisfatória versavam sobre temas profundos, como as relações e vida sexual dos participantes. No final, emergiu um padrão - os casais sexualmente satisfeitos são abertos, tanto no quarto como fora dele. Têm maior tendência para experimentar novas posições, ter conversas picantes e até introduzir brinquedos sexuais durante as relações. Mais importante que isso, revelaram maior abertura para discutir as suas necessidades sexuais com os seus parceiros.

A auto-seleção é um fator limitador num estudo como este (o inquérito sobre hábitos para um vida sexual satisfatória foi publicado num website popular), por isso pode não ser surpresa saber que cerca de um terço dos entrevistados tenham reportado sentirem-se satisfeitos com a sua vida sexual no presente como no passado. 

Também não constituirá nenhuma surpresa que relações sexuais frequentes e orgasmos mais consistentes estejam correlacionados com maior satisfação. Parece então que uma maior satisfação sexual está ligada a uma maior satisfação geral com a relação. Na verdade, a satisfação geral com a relação foi considerada o maior fator para prever uma maior satisfação sexual, tanto para homens como para mulheres.

É importante lembrar que correlação e causalidade são duas coisas diferentes, e que adotar simplesmente comportamentos comuns entre casais sexualmente satisfeitos não será, provavelmente, a fórmula mágica para a sua vida sexual - um pouco de puxão de cabelo não a vai fazer deitar a tua porta abaixo se tudo o resto na relação estiver a ir pelo cano, assim, é realmente ter hábitos para um vida sexual satisfatória. Frederick admitiu isso mesmo no podcast de Dan Savage, mas também acrescentou que tentar não custa.

"Para os casais insatisfeitos, é algo que podem observar e dizer 'Porque não tentamos isto e vemos o que acontece?', disse ele.
As pessoas sexualmente satisfeitas tem quase o dobro da probabilidade de pedir algo que desejam na cama, quando comparadas com as pessoas insatisfeitas.

20.4.17

4 Posições sexuais a evitar se for mau de cama

4 Posições sexuais a não fazer se for mau de cama

Quando o casal é sexualmente ativo, é natural ter certas expectativas e ser curioso sobre como se podem divertir mais.

18.4.17

Duração do sexo qual é a média?

Qual a duração do sexo?

Qual a duração do sexo? Ao contrário da maior parte dos feitos de atleticismo, fazer amor não é, por tendência, uma corrida contra o relógio, portanto a maior parte das pessoas não faz ideia acerca de quanto tempo dura, na realidade, o ato sexual.

Qual a duração do sexo? 

Enquanto alguns se gabam das horas desaparecerem e de outros contarem histórias de terror acerca de tudo acabar antes do final da primeira música da playlist sexy que prepararam, o Psicólogo Dr. Brendan Zietsch providenciou alguma luz acerca da duração do sexo.

Num artigo que escreveu para o The Conversation, Zietsch, da Universidade de Queensland, estudou dados acerca de quanto dura a penetração em casais, e descobriu tempos entre uns desapontantes 33 segundos e uns tântricos 44 minutos.

O tempo oficial foi medido simplesmente desde a penetração até à ejaculação, tendo como base informações providenciadas por 500 casais de todo o mundo, que usavam um cronómetro durante um período de quatro semanas. Os participantes no estudo sobre a duração do sexo iniciavam a contagem quando tinha inicio a penetração e paravam-no quando se atingia o clímax e cessava a penetração.

O tempo médio de duração de sexo entre casais era de 5.4 minutos, apesar de se verificarem variações massivas entre casais e entre os mesmos casais em diferentes dias da semana. Nenhum país se destacou particularmente nos seus resultados, apesar dos dados indicarem que os casais turcos tendem a ter relações mais curtas (por volta dos 3.7 minutos).


Interessante foi verificar que o uso do preservativo não parece afetar  duração do sexo, assim como o fato do homem ser, ou não, circuncidado.

Os casais mais velhos eram os mais rápidos, o que contraria a noção de que a experiência é sempre algo positivo na arte do sexo.

Seria interessante perceber se os mesmos casais poderiam aumentar a  duração do sexo com o regime certo de treino, e a forma como os preliminares afetam os resultados. Mas, por agora, pode encarar os 5 minutos e meio como o tempo a bater, ou 44 minutos se quiser bater recordes.

Leia também:
Alimentos que ajudam a ereção e previnem a disfunção erétil
5 Mitos sobre a masturbação masculina
Dormir com mais de 20 mulheres diminui o risco de câncer na próstata (de acordo com a ciência)
Baixa Testosterona - Infertilidade Masculina

Alimentos que ajudam a ereção e previnem a disfunção erétil


Alimentos que ajudam a ereção

Morangos cobertos em chocolate são melhores para a sua vida sexual do que aquilo que imagina, vamos ver então alimentos que ajudam a ereção.

Não, não estamos falando de romance. Estamos falando de flavonoides, que se encontram em alimentos que ajudam a ereção. Uma nova pesquisa mostra que consumir flavonoides, que podem ser encontrados em alimentos à base de plantas como os morangos, pode efetivamente ajudar os homens a manter uma ereção.

A disfunção erétil, ou a inabilidade de obter ou manter uma ereção suficiente para ter relações sexuais, afeta uma enorme porção de homens de meia idade ou mais velhos. Algumas estimativas indicam que metade desta população experimenta alguma forma de disfunção erétil. Mas certos hábitos, como uma dieta saudável, consumo de álcool reduzido e um estilo de vida ativo estão comprovadamente associados a uma diminuição deste problema.

Este novo estudo, no qual participaram mais de 25000 homens, mostra que, de fato, uma maçã por dia pode mesmo manter o médico - e a ansiedade de desempenho - à distância, sendo considerados um dos alimentos que ajudam a ereção. As maçãs contêm antocianina, um dos três flavonoides que os médicos afirmam serem mais benéficos. O mesmo se verifica para os morangos. Outros alimentos que ajudam a ereção são os mirtilos, as cerejas, as frutas cítricas e até um bom copo de vinho tinto.

Comer apenas algumas porções por semana e o risco de disfunção erétil cai 10%. Enriquece a tua dieta com ainda mais frutos e cai 14%. Por isso, peça um vinho tinto em vez da cerveja, e coma alguns mirtilos enquanto assiste ao jogo de futebol. De acordo com este estudo sobre alimentos que ajudam a ereção e previnem a disfunção erétil, faz tão bem como duas a cinco horas de caminhada em ritmo leve por semana.


Claro, se comer imensa quantidade de fruta sentado no sofá todo o dia, pode não ver os resultados que está à procura. Nada substitui o exercício físico regular, e os investigadores descobriram que os homens que comem alimentos ricos em flavonóides e têm atividade física regular são os que mais minimizam as suas hipóteses de experienciar qualquer disfunção erétil, com uma queda no risco a rondar os 21%.

Mesmo que não sofra de disfunção erétil, deve comer frutas e fazer exercício. É um bom conselho básico de vida, e pode te ajudar  a funcionar convenientemente nos anos que ainda estão para vir.

A nossa recomendação número um para homens que sofrem de disfunção erétil é falar com o  médico. Nunca vai fazer mal comerem mais fruta, mas pode ser prejudicial evitar falar destas temáticas com o seu médico. Este problema pode, muitas vezes, ser um indício de questões mais graves, como doenças cardíacas. 

Veja também:
Disfunção Erétil ou impotência: as suas causas e diagnósticos
Disfunção erétil - 6 Formas de tratamento impotência masculina
Exercício de 10 segundos que vai melhorar a vida sexual (homens e mulheres)

17.4.17

Espetadas de frutas com Molho de mel (festa de crianças 12 pessoas)

Espetadas de frutas com Molho de mel (festa de crianças 12 pessoas)

Esta receita leva um pouco de tempo, porém, para além de ser saudável fará as alegrias da criançada. E dos adultos também… eheheh…

Indicação: a partir de ano e meio

Ingredientes

150 Gramas ameixas pretas secas sem caroço
2 Maçãs vermelhas médias com casca cortadas em cubos pequenos
2 Maçãs verdes médias com casca cortadas em cubos
2 Pêras médias com casca cortadas em cubos
300 Gramas de queijo cortado em cubos (opcional)
3 Colheres de sopa margarina
1/2 chávena de chá com mel
Palitos de madeira próprios p/ espetadas

Pré aqueça o forno em temperatura a 180º, unte uma assadeira retangular.

Espetadas:

Monte as espetadas de forma alternada ameixa preta, cubos de maçã vermelha, cubos de maçã verde, cubos de pêra e cubos de queijo. Coloque-os na assadeira e reserve

Molho

Em uma panela pequena aqueça a margarina, junte o mel e ferva por 3 minutos. Espalhe sobre os espetos reservados e leve ao forno por 25 minutos, regando às vezes com o molho da assadeira.
Passe os espetadas para uma travessa e coloque o molho que ficou na assadeira em uma molheira ou tigela pequena.
Sirva as espetadas com o molho

Variação:


Se preferir junte meia colher (chá) de canela em pó ao molho antes de ferver.

Nutrientes:

Maçã: Possui um excelente valor nutritivo, pois em sua casca encontramos a pectina que auxilia a redução do colesterol do sangue. Sendo também rica em vitaminas B1, B2, niacina, ferro e fósforo. Tem propriedades adstringentes, é otima para a garganta e cordas vocais. A quercetina que é um dos flavonoides auxilia na redução de risco de alergias, ataques cardíacos, Alzheimer, Parkinson, cancro na próstata e do pulmão. A escolha ideal será a maça Red Delicious, é a que tem mais antioxidantes que auxiliam no combate a inflamações.

Pêra: Vitaminas A, B, C, E, proteínas, cálcio, magnésio, fósforo, potássio, ferro, carboidratos, fibras. Suculenta, agrada ao paladar infantil, funcionando como reguladora intestinal.

Ameixa seca: Auxilia o organismo na absorção de ferro, devido ao alto teor de vitamina C, têm também vitamina A, B2, Potássio e muito rica em fibra. A ameixa seca por ser mais concentrada é mais energética, sendo muito rica em calorias.

Bom apetite,

Panquecas com queijo fresco

Ingredientes para panquecas com queijo fresco

200 gramas de queijo fresco magro
3 ovos
1 colher de sobremesa de canela em pó
1 colher de sopa de mel
1/2 chávena de farinha de aveia
1 colher de chá de fermento em pó
Óleo de coco
Sal qb

Modo de preparação das panquecas com queijo fresco

Num recipiente misture os ingredientes secos: a farinha de aveia, o fermento em pó, a canela e o sal. Guarde este preparado.
Num outro recipiente, misture os restantes ingredientes: o queijo fresco magro, os ovos, a canela e o mel até obter uma mistura homogénea.
Deite o conteúdo do primeiro recipiente no do segundo recipiente e misture bem, até obter uma massa uniforme.
Aqueça uma frigideira em lume brando, unte-a com o óleo de coco.
Deite uma parte da massa (mais ou menos 3 colheres de sopa) e cozinhe de ambos os lados até que as panquecas adquiram uma cor dourada.
Repita continuamente este procedimento até terminar a massa.
É mesmo fácil preparar estas panquecas de queijo fresco, e fica uma delícia.

16.4.17

Depressão Pós-Parto: O Bébe Nasceu, está Infeliz? Deve-se preocupar

Depressão Pós-Parto: O Bébe Nasceu, está Infeliz? Deve-se preocupar

Depressão Pós-Parto: O bebé nasce e tudo muda, abstinência de sono, a falta de tempo e incapacidade de tratar de coisas simples nos primeiros dias. O Sentimento de impotência e as enormes expectativas que impomos a nós próprias em relação à vida ao que pretendemos e achamos que temos de fazer, e o que realmente conseguimos fazer. E com o nascimento do bebé as nossas hormonas não voltam logo ao seu estado normal. E por vezes acabamos a entrar numa situação de “bola de neve” com a qual não sabemos lidar. 

De acordo com um estudo apresentado no Canadian Medical Association Journal, o facto de se viver em grandes centros urbanos também poderá influênciar a existência e propensão à depressão, assim convém tomar medidas previamente ao nascimento, e mentalizar-se de que vai precisar de ajuda do marido, dos pais para não se ir abaixo.

Depressão pós-parto (DPP) é uma condição que engloba uma variedade de mudanças físicas e emocionais que muitas mulheres têm depois dar à luz. E pode ser tratada com medicamentos e psicoterapia. Converse com seu médico assim que achar que tem depressão pós-parto.

Há três tipos de depressão pós-parto:

A tristeza materna (baby blues) acontece em muitas mulheres nos dias seguintes ao nascimento do bebê. A mãe pode ter mudanças súbitas de humor, como sentir-se muito feliz e depois muito triste. Ela pode chorar sem nenhuma razão e ficar impaciente, irritada, agoniada, ansiosa, solitária e triste. A tristeza materna pode durar apenas algumas horas ou até 1 ou 2 semanas depois do parto. E nem sempre requer tratamento médico. Geralmente ajuda entrar em um grupo de suporte ou conversar com outras mães.

Depressão pós-parto pode acontecer por alguns dias até meses depois do parto de qualquer bebê, não só no primeiro mês. A mulher pode ter sentimentos similares ao da tristeza materna - tristeza, ansiedade, irritabilidade - porém são muito mais fortes. Depressão pós-parto geralmente impede a mulher de fazer coisas que precisa no dia-a-dia. Quando a vida normal da mulher é afetada, é um sinal certo que ela deve procurar logo um médico. Se a mulher não obtiver tratamento, os sintomas podem piorar e durar até um ano. Ainda que a depressão pós-parto seja uma condição séria, pode ser tratada com medicamentos e psicoterapia.


 Psicose pós-parto é uma doença mental muito séria. Ela pode acontecer rapidamente, geralmente nos três primeiros meses depois do parto. A mulher pode perder contato com a realidade, geralmente tendo alucinações sonoras. Alucinações visuais são menos comuns. Outros sintomas incluem insônia, agitação, raiva, e comportamento e sentimentos estranhos. 
Mulheres que sofrem de psicose pós-parto precisam de tratamento imediato e quase sempre necessitam de medicamentos. Algumas vezes a mulher é internada em hospital porque está sob o risco de machucar os outros e a si mesma. 

A mulher pode ficar ansiosa depois do parto mas não ter depressão pós-parto. Ela pode ter o que é chamado de ansiedade pós-parto ou desordem de pânico. Os sintomas dessa condição incluem forte ansiedade e medo, respiração rápida, batimento cardíaco acelerado, acessos de calor ou frio, dor no peito, tremures e tontura. Procure seu médico imediatamente caso tenha algum desses sintomas. Medicamentos e psicoterapia podem ser usados para tratar a ansiedade pós-parto.

Se acha que se encontra em algum destes estados, fale abertamente com o seu médico. É fundamental usar de honestidade para connosco e para com o médico, estamos a falar da sua saúde e da de seu bebé. Se a sua saúde não estiver bem isso ir-se-á refletir no bebé a médio, longo prazo, e poderá ter consequências no futuro desenvolvimento da criança.

Claro que ao nível familiar as repercussões também existem, peça ajuda ao pai do bebé. Fale abertamente com ele e procurem uma estratégia para lidar com a situação, ao fazer isso não está a ser fraca, pelo contrário, está a assumir uma dificuldade em lidar com uma realidade ainda que desejada é esgotante e estafante. 

Não significa que não ama o seu bebé! Não significa que não é uma boa mãe, não tenha medo. Só significa que tem consciência de que precisa de ajuda e que pretende o melhor para si e para o seu "mais que tudo".

Veja Também: 
Depressão Pós-parto aprenda a reconheçer os sintomas

Depressão Pós-parto aprenda a reconheçer os sintomas

Depressão Pós-parto aprenda a reconheçer os sintomas

Falar em depressão pós-parto como num momento que só devíamos sentir alegria, um momento tão ansiado e almejado se pode ter sentimentos tão controversos? Sentimentos tão antagónicos… 

A dúvida de se é possível? Se é normal? Tantas expectativas para ver aquele ser maravilhoso que carregamos, e porque não se sinte como achou que devia? Porque não tem o sorriso que vê nas revistas de bebé que comprou durante a gravidez? Bom, e porque não? Porque se falar de depressão pós-parto.

Primeiro, não está sozinha se acha que tem depressão pós-parto Fale com o seu marido, fale com sua mãe, sua amiga que já teve filhos. Nem todas as mulheres têm depressão pós-parto, porém todas as que foram mães sabem que há alturas que psicologicamente violentas o cansaço instalasse e a tristeza toma conta, não sendo necessariamente depressão pós-parto

São sentimentos complexos em que o amor avassalador que temos é assombrado por uma dúvida, uma dor. Amigas, mãe, marido podem ajudar e falar com alguém de confiança vai trazer paz e uma maior calma.

Pode ser babyblues, algo passageiro mas igualmente perturbador, ou pode ser algo mais sério. Tendo em conta isso, aqui tem uma lista de sintomas relacionados com depressão pós-parto (DPP).

Depressão Pós-parto aprenda a reconheçer os sintomas

Os sintomas da depressão pós-parto:

Sentir-se inquieta ou irritada.


Sentir tristeza, depressão ou chorar muito.


Falta de energia.


Ter dor de cabeça, dor no peito, palpitações no coração, falta de sensibilidade ou hiperventilação (respiração rápida e superficial).


Não ser capaz de dormir, muito cansaço, ou ambos.


Perda de peso e não ser capaz de comer.


Comer demais e ganho de peso.


Problema de concentração, falta de memória e dificuldade de tomar decisões.


Ficar exageradamente preocupada com o bebê.


Sentimento de culpa e inutilidade.


Ficar com medo de machucar o bebê ou a si mesma.


Falta de interesse em atividades prazerosas, incluindo o sexo.

Depressão pós-parto afeta mulheres de todas as idades, classes sociais e etnias. Qualquer mulher que está grávida, teve bebê nos últimos meses, sofreu aborto ou recentemente parou de amamentar, pode desenvolver a depressão pós-parto.

A quantidade de filhos que uma mulher tem não afeta as hipóteses dela desenvolver depressão pós-parto. Estudos mostram que mulheres que tiveram problema de depressão anteriormente têm maior risco de desenvolver a depressão pós-parto


É importante que saber que a depressão pós-parto tem tratamento e que passa. O tipo de tratamento depende do quanto severa é a depressão. Esta pode ser tratada com medicação (antidepressivos) e psicoterapia. 

Se a mulher estiver amamentando, ela precisa conversar com seu médico sobre o uso de antidepressivos, já que alguns desses medicamentos podem afetar o leite materno.

Se acha que pode estar com uma depressão pós-parto procure ajuda especializada, porque o que pode ser uma coisa simples de se tratar, ao se agravar será mais demoroso acarretando inevitavelmente consequências para si, para o bebé e para a sua família mais próxima.

Veja também:
Depressão Pós-Parto: O Bébe Nasceu, está Infeliz? Deve-se preocupar. 

14.4.17

Hannes Caspar fotografo de nus brilhante

Hannes Caspar fotgrafo de nus brilhante

Brincando com luz e sombras, as fotos do fotógrafo Hannes Caspar, de Berlim, são bonitas e brilhantes. O fotógrafo coloca os seus modelos em várias posições, capturando suas expressões e movimentos deslumbrantes. "No centro do meu trabalho está a forma humana. O que me fascina é tornar a aura de uma pessoa visível com apenas alguns meios. Muitas vezes, os pequenos detalhes contam a história ", disse o fotógrafo.

GodMode do Windows é usado para espalhar malware

GodMode do Windows é usado para espalhar malware
As formas encontradas pelos criadores de malware e outros tipos de ataques para propagar os seus ataques sempre foram muito inteligentes e muito criativas. Muitas vezes fazem uso de funcionalidades dos sistemas para poderem conseguir as suas metas.



A mais recente falha de segurança descoberta está a fazer uso do GodMode do Windows para se manter activo e presente no sistema. Uma forma bem diferente do que normalmente se vê em utilização.

O GodMode foi descoberto pela primeira vez no Windows Vista e desde essa altura que tem estado disponível, criando um atalho directo para o Painel de Controlo e que dá acesso as principais funções de gestão do Windows.

Aproveitando esta capacidade e a permissão do Windows, o malware Dynamer que está a fazer uso do GodMode para se manter presente no sistema operativo, correndo de forma discreta no arranque e sem que o utilizador dê por isso

O Dynamer instala no Registo do Windows uma chave similar à do GodMode, em que executa uma aplicação que depois abre as portas da máquina para que o acesso ao servidor remoto seja feito.

Com uma ligeira alteração ao processo que é usado no GodMode este malware consegue alojar-se no Windows de forma quase permanente. Passa a usar com4 em vez da string do GodMode, o que o impede de ser apagado pelo Windows ou pelo utilizador por ser uma de com palavra reservada e representar um dispositivo, não pode ser eliminado das formas tradicionais.


HKEY_CURRENT_USER\SOFTWARE\Microsoft\Windows\CurrentVersion\Run
lsm = C:\Users\admin\AppData\Roaming\com4.{241D7C96-F8BF-4F85-B01F-E2B043341A4B}\lsm.exe


Claro que com as formas manuais e através de uma janela de Dos é possível fazer essa remoção, eliminando no arranque o lançamento deste problema.



Esta é uma nova forma que está a ser usada e que mostra que é possível de forma simples uma forma de proteger um vírus ou malware e ao mesmo tempo proteger-se do próprio Windows e das ferramentas deste sistema.


via Pplware

13.4.17

Coceira lá em baixo? Candidíase e Candidíase na Gravidez, sintomas previna-se

Coceira lá em baixo? Candidíase e Candidíase na Gravidez, sintomas previna-se

Candidíase de um modo geral 

A candidíase é uma infecção causada mais comummente pelo fungo Cândida albicans.

É um fungo que naturalmente faz parte de nosso organismo, porém nas condições adequadas (umidade, calor e baixa resistência) se prolifera de forma desordenada causando uma infecção. É um fungo oportunista que se aproveita da baixa de resistência de seu organismo para atacar. 

Alguns fatores em específico facilitam a disseminação da Candidíase. Vejamos:

Causas da Candidíase

Durante a gestação (por conta do aumento dos estrogênio a vagina produz mais glicogenio, que por sua vez altera o ph vaginal dando melhores condições a proliferação do fungo), menopausa (diminuição hormonal que deixa o meio vaginal desprotegido), distúrbios como diabetes(causa o aumento de açúcar na urina e no meio vaginal , deixando-a mais ácida), higiene pessoal (má higienização, permitindo que fungos do ânus atinjam a vagina. E pode acontecer em banhos de assento, em que o fungo do ânus entra em contato com a água e pode assim atingir a vagina), antibióticos (destroem bactérias de defesa do organismo), corticóides (age inibindo a liberação de enzimas de certas células que habitualmente combateriam os fungos) anticoncepcionais (os motivos são os mesmos de uma gravidez) e transmissão sexual (o parceiro contaminado transmite os fungos. 

A camisinha só protege parcialmente conta a candidíase. Pode ainda ser transmitido por via  oral. Ocorre também, com casais que fazem penetração anal -vaginal, permitindo que fungos do ânus penetrem na vagina pela penetração sem higienização adequada do pênis).

candidíase ainda pode ser adquirida através do compartilhamento de roupas intimas, toalhas e em banheiros públicos. Por isso tomem cuidado também com suas crianças, principalmente as meninas, que infelizmente também não estão livres desse problema. 

Deve-se ainda evitar o uso contínuo de calça jeans e roupas apertadas ja que promovem a candidíase. Prefira sempre calcinhas de algodão. Passe o fundo das calcinhas e sempre que possível, durma sem calcinha. O fungo da candidíase prefere lugares úmidos e abafados.

Sintomas da Candidíase

Mulheres sintomas de Candidíase

- Coceira na vulva e no canal vaginal
- vermelhidão na vulva (parte de fora da vagina)
- ardor ou incomodo ao urinar
- corrimento branco,  espesso e normalmente sem cheiro (semelhante a leite coalhado)

Homens sintomas de Candidíase

- coceira e ardor na glande (cabeça do pênis)
- bolinhas vermelhas

A grande maioria dos homens não apresenta sintomas de Candidíase, mas devem ser tratados junto com suas parceiras.

Candidíase na gravidez

Muitas gestantes sofrem com a Candidíse durante a gravidez, e o medo de afetar o bebê faz com que muitas de nós tenham medo de tratar esse mal com pomada e medicamentos indicados pelo médico. Esse foi meu caso.
Em minha primeira gravidez, os sintomas de candidíase tiveram início no quarto mês de gestação e se agravaram numa velocidade impressionante. Jovem, inexperiente e temendo pela saúde do meu bebê , não fiz o uso adequado do medicamento receitado pelo meu médico e o resultado foi desastroso. O fungo causou uma ruptura prematura da bolsa d'água, perdi liquido lentamente sem perceber e com 32 semanas o parto foi inevitável. Isso tudo poderia ter sido facilmente evitado se eu tivesse me tratado de forma correta.

Converse com seu Go sobre os medicamentos que podem ou não ser usados na gravidez para tratar a Candidíase, e jamais use pomada ou medicamento indicado por um conhecido ou amiga. Use a pomada recomendada por seu GO.

Não deixe de se tratar.

Candidíase na Gravidez: possiveis consequências 

No caso de uma candidíase não tratada durante a gestação, além da bolsa rota (ruptura da bolsa), você pode transmitir a candidíase para o seu bebê ainda no útero. Chamada de candidíase cutânea congênita, apesar de rara, pode afetar o bebê .Tendo como evidência manchas brancas no rosto, pescoço e tronco do bebê bem aparentes no nascimento ou logo nos primeiros dias de vida.
Candidíase na Gravidez: O que é? Como tratar e remédios caseirosO bebê pode ser infectado ainda , na hora do parto com o virus da candidíase. Ao passar pelo canal vaginal, no parto normal, a criança tem contato com o fungo e é infectada por ele. Os prematuros são mais suscetíveis ao contágio.
Um grande site, famoso, e aparentemente confiável, vem vinculando a informação de que não é possível infectar o bebê durante a gestação com candidíase
Pesquisem sobre a candidíase cutânea congênita e se informem. De fato é algo raro, mas de conhecimento dos médicos, portanto é algo real.

Tratamentos naturais para a candidíase e acabar com os incomodos

Tratamentos naturais para a candidíase e cabar com os incomodos

Já sabemos que é muito desconfortáel é a coceira, o desconforto na hora de urinar mas ha tratamentos naturais para a candidíase e vamos ver quais são:

Cura natural da candidíase


A ingestão de carboidratos pode aumentar a acidez vaginal, por esse motivo uma dieta com diminuição frituras, doces, massas, alguns legumes como batata, cenoura, beterraba, farináceos, enlatados e frutas com muito açúcar é essencialpara combater o fungo da candidíase.



A forma natural mais eficiente de se combater a cândida ou candidíase é limpando o sistema digestivo. 

Para isso você deve abusar da ingestão de água e fibras. Abuse de vegetais- A melancia e o pepino são muito bons porque ajudam o corpo e eliminar água, refrescam e produzem limpeza. Ainda, chuchu, jiló, vagem, maxixe, rabanete beterraba, abóbora, nabo comprido, cenoura, aipo, celeríaco, pastinaca, couve rábano, cebola, alho, gengibre, alho-poró, broto de alfafa, broto de feijão, broto de bambu, todas as folhas, algas marinhas (rejuvenescem e matam fungos) todos esteas ajudam a prevenir e combater o fungo da candidíase.



Dieta contra candidíase

Alho e cebola- antinflamatório e antifungíco
Cravo , ginseng e canela (exceto para gestantes)
Ácido caprilico, presente no óleo extra virgem de coco
Alimentos ricos em clorofila - verduras verde escuras por exemplo
Maça
Chá de unha de gato,  dente de leão, camomila, boldo, alcaçuz, tachagem, alecrim , tomilho, melissa e alcachofra (exceto para gestantes)
Tomar suplementos vitamínicos para fortalecer a imunidade
Glutamina - estimulante imunológico
Probióticos - atacam bactérias ruins e fungos
Ómega 3- encontrada no óleo de peixe, prímula e linhaça
Pólen de Abelha
Gengibre
Romã

Como aliviar os sintomas da candidíase

Para aliviar os sintomas da candidíase que incomodam como a coceira e ardor faça um banho vaginal com chá de orégano quantas vezes puder. O ideal é no minímo 3 vezes ao dia. Como o banho de assento é contra indicado, pois ficar sentada na bacia com o chá o contaminaria de forma a inutilizar sua eficácia, o ideal é que se faça uma ducha vaginal com esse chá agindo assim de forma mas eficaz cotra o fungo da candidíase. 
Se você não tiver a bisnaga própria para duchas vaginais, lave a vagina com chá, jogando o líquido aos poucos e lavando sua vagina com ele.

1 litro de água para um punhado de orégano
Muitas mulheres fazem a lavagem com vinagre, o que alivia sintomas como a coceira provocada pela candidíase, porém ele destrói os lactobacilos vaginais, que são importantíssimos para o controle do ph vaginal. Esse descontrole deixa o meio vaginal desprotegido, podendo assim ser atingido por outras enfermidades.

Faça compressas frias ou geladas com o chá de orégano ou camomila, o gelo também pode aliviar temporariamente os sintomas.

Outro poderoso remédio caseiro contra a candidíase com iogurte natural. Introduza na vagina em temperatura ambiente 25 gr de iogurte com uma seringa (sem agulha) de tamanho médio , duas vezes por dia, durante três dias. O iogurte vai estabilizar o ph vaginal, auxiliando no combate ao fungo.

Gestantes devem consultar seu médico a respeito de duchas vaginais. A lavagem superficial da vagina é liberada.

É muito importante que você passe por uma avaliação médica e faça um tratamento alopático (com medicamentos) e seja feita uma manutenção por meios naturais para que a candidíase não retorne.
O médico lhe indicará medicamentos para combater o fungo da candidíase, e pomada para controlar a contaminação e aliviar os sintomas. Seu parceiro também deverá ser medicado. 

A dieta natural indicada,  é muito eficaz para mulheres que tem candidíase recorrente, ou seja , mal se curam de uma e outra já aparece. Muitas vezes a pessoa nem foi curada, os sintomas apenas diminuíram.

O ideal é que um tratamento auxilie o outro, a medicina alopática traz uma cura mais rápida, e com o tratamento natural você fará uma manutenção e prevenção contra a candidíase.

Veja também:

Colocar as crianças cedo para dormir evita obesidade infantil (cf. a ciência)

Obesidade infantil hábitos de sono influênciam de acordo com ciência

Todos nós sabemos os dramas que é colocar nossos filhos para dormir, é alguma coisa que lhes prende a atenção e mesmo bêbados de sono não querem ir para a cama, vamos para a cama? Essa pergunta na maioria das vezes acaba em risada aqui em casa, lá vai minha filha a correr como se não houvesse amanhã enquanto diz: “Ai! Não” e lá vou eu a dizer vou-te apanhar!

Quando a deito, temos dois cenários possíveis beijar todos os bonecos que ela levou para fazer ó ó, ou dizer que quer um xi-coração bem apertadinho (abraço), depois diz que a fralda esta suja, quer água, pão, bolacha… enfim. A hora de deitar ainda que dita desta forma seja divertida o fato é que às tantas é complicada.

Mas minha mãe diz que “quem sai aos seus não degenera” não sei onde ela quer chegar com esse comentário, ainda não o percebi ;)

E por falar em chegar, onde quero chegar afinal com isto? Um estudo publicado no Journal of Pediatrics sugere que a hora de dormir das crianças, deve ser cedo e regular, desta forma evita vários riscos para a saúde de nossos filhos, nomeadamente a obesidade.

Nu relatório fornecido à CNN, a chefe de pesquisa Sarah Anderson da Universidade Estadual de Ohio, disse que "este estudo (…) demonstra que as crianças beneficiam de ter uma hora de dormir regular e rotina de dormir."

Os pesquisadores acompanharam 977 crianças que faziam parte do Instituto se Saúde infantilEunice Kennedy Shriver e do Human Development's Study of Early Child Care and Youth Development. Desde os quatro anos e meio até os 15 anos os pesquisadores tomaram nota das suas horas de dormir, altura, peso e índice de massa corporal.

Depois de compararem os dados recolhidos com a saúde dos adolescentes, ela notaram que somente 10% daqueles que iam para a cama mais cedo às 20:00 eram obesos, e que dos que iam para a camas às 21h ou mais tarde cerca de 23% era obesa.

Os resultados de acordo com a pesquisadora não são tão surpreendentes assim:

“Rotinas e horários regulares, incluindo dormir cedo, estão também ligados a menos problemas de sono, como acordarem durante a noite, ou dificuldade em dormecer”

No entanto, não se trata somente o tempo que as crianças dormem, mas também a quantidade que dormem. Crianças com horários regulares para dormir e que vão mais cedo para a cama, acabam a ficar mais descansadas e repousadas, assim acabam a beneficiar no seu comportamento, desenvolvimento cognitivo e atenção, coisa que estudos anteriores já tinham revelado.

Dormir mais cedo dá-lhes o tempo necessário para descansar para o dia seguinte, e significa menos lanches tardios, ou a visualização de anúncios de comida pouco saudável.

Assim estas são as horas que a American Academy of Sleep Medicine (Academia Americana de Medicina do Sono) fornece:

Os bebês de 4 meses a 12 meses devem ter 12 a 16 horas de sono
Criança de 1 a 2 anos de idade devem ter 11 a 14 horas de sono
Criança de 3 a 5 anos de idade devem ter 10 a 13 horas de sono
Crianças de 6 a 12 anos de idade devem fazer entre nove a 12 horas de sono
Adolescentes de 13 a 18 anos de idade devem ter entre oito a 10 horas de sono



Em suma, deitar cedo garante que as crianças dormem o suficiente para o dia seguinte. Sendo que uma noite bem descansada lhes permite que os seus dias sejam com mais energia e entusiasmo, e resulta em uma infância feliz e saudável.

Via Mamy Neura

12.4.17

Posição sexual borboleta tem de experimentar

Posição sexual borboleta tem de experimentar

A  posição sexual borboleta é ótima se as coisas estão a ficar chatas na cama, e você quer tentar algo novo para apimentar a sua vida sexual, aqui está uma posição de sexo Kamasutra que você tem de tentar.

A posição garante que você precisa para sair do quarto ou pelo menos do meio da cama. Nesta posição, a mulher encontra-se na borda de uma mesa, bancada de cozinha ou da cama. O homem de pé fica no meio das suas coxas e levanta os seus quadris com as mãos (você poderia adicionar travesseiros para elevar o quadril). Ela então coloca as pernas sobre os ombros e inclina ligeiramente os quadris para cima e dá-se a penetração.

Posições sexuais: Borboleta


Prós da posição sexual Borboleta: É uma posição bem "atrevida" que permite a penetração profunda e também cria um ângulo delicioso para a estimulação vaginal, então seja atrevido e tente a posição sexual borboleta. É também uma ótima posição para conceber. Se quer e anda a treinar para ter filhos esta é uma excelente posição. Na imagem abaixo, o homem tem as mãos sob os quadris e está levantando-os. Isso é bom, mas se ele quer penetrar mais vigorosamente, ele pode segurar as coxas, o que tornará as coisas muito mais fáceis para uma penetração mais forte.

Contras da posição sexual Borboleta: A penetração na posição borboleta é profunda e pode não ser para todos e isso pode magoar algumas mulheres, especialmente quando os parceiros masculinos têm pênis maiores do que a média. Veja mais sobre os tamanho dos pênis o que é "normal".


Executar a posição sexual borboleta é muito fácil para as meninas. Como eu acabei de dizer, você pode fazer numa mesa ou cama etc; você decide. Na imagem acima, o homem na posição da borboleta está de pé, mas ele também pode estar de joelhos se você estiver usando a cama. 

Você não tem que ser aquele ativa quando está na posição da borboleta o homem é que faz a maioria do trabalho. Tudo que você precisa fazer é deitar-se enquanto seu homem levanta seus quadris para cima. Você pode descansar suas coxas em seu peito e colocar seus tornozelos sobre seu ombro, apenas como na imagem. Meu conselho é apenas fazer o que você achar mais confortável.

E claro se você não quiser ficar demasiado passiva na posição sexual borboleta, você também pode estimular o clitóris ou seus seios, falar sujo para o seu companheiro ou até mesmo brincar com um vibrador. 

Coisas a considerar na posição sexual Borboleta

- Usar travesseiros ou almofadas sob seus quadris / cintura é uma ideia muito boa. Isso significa que seu homem não vai ficar muito cansado de segurar as pernas e você não vai se cansar de tentar mantê-las levantadas.

- Se o seu homem está de joelhos, pode ser uma boa ideia para colocar um travesseiro sob eles para se certificar de que eles não se machucam.

- Para obter o máximo de prazer da posição sexual borboleta e tornar mais fácil para o seu companheiro atingir o seu ponto G, certifique-se que seus quadris são estão ligeiramente elevados. Continue ajustando o quão alto você consegue segura os seus quadris até encontrar o ponto certo. 

Samsung pode ter prototipo para Smartphone com dois ecrãs

Samsung pode ser ter prototipo para Smartphone com dois ecrãs

Segundo as notícias dos sites ET News e The Investor, a Samsung vai testar em breve a produção do protótipo de um smartphone dobrável com um design semelhante aos dos dispositivos Medias W N-05E da NEC e Kyocera Echo.

A empresa sul-coreana tem previsto produzir cerca de 3 mil unidades do protótipo do novo smartphone que inclui dois ecrãs OLED de 5 polegadas unidos por uma pequena dobradiça.

Um outro rumor veiculado por diversos sites nos últimos dias dá conta que a Samsung acredita que a produção do seu smartphone dobrável poderá arrancar em 2019.

Via PCguia

10.4.17

Pílulas do Dia Seguinte cada vez mais fáceis de obter


Todos numa altura ou noutra já tivemos azares, saímos bêbados mais do que devíamos e havia aquele gato super sexy, com um corpinho de bardar aos céus e que quer ir pra cama, ou aquele gata que assim que bateu os olhos você pensou minha! Minha só por hoje… E começam s jogos, conversa para aqui sorriso para ali, roça aqui roça ali. E pronto sexo! Pilula do dia seguinte.

E ai se sai com a estranha gostosa, ou gato assanhado… Mas e se não houver preservativos? Vai só de língua? Mesmo assim não é seguro! E se houver e o preservativo estoirar? Como saber que ela toma pilula? Que não está no período fértil? E há bebedeiras que passado 9 meses dão frutos! Ou que dão comichão! Ou que dão febre…

Pílulas do Dia Seguinte cada vez mais fáceis de obter

A pensar nisso e os nossos vizinhos da América no norte são muito espertinhos agora vendem, a título experimental, chocolates junto com pilulas do dia seguinte. NA periferia de Nova Iorque fazer. Como? Estão a ver as máquinas de “vending” onde se coloca a moeda ou a nota e sai os chocolates, latas de sucos, chips, etc? Então agora também saem pilulas do dia seguinte, lubrificantes, testes de gravidez.

O senhor que teve a ideia chama-se Peter Rose, e diz que tem a ver com as necessidades da mulher moderna. 
A máquina encontra-se numa lavandaria com horários alargados (Sunshine Laundromat), assim a mulher compra a pilula do dia seguinte, lub… E quem diz a mulher também o homem pode ir comprar a pilula do dia seguinte ou o belo do lubrificante e se o preservativo estoirar é o melhor que ele faz, a não ser que goste da possibilidade de vir a ser pai. E tudo isto sem ter de trocar nenhuma palavra com ninguém.


Pílulas do Dia Seguinte cada vez mais fáceis de obter


Preservativos não constam porque já há várias formas de os adquirir e nalguns até são gratuitos. Inicialmente a experiência começou com testes de gravidez, depois alargou para as pilulas do dia seguinte. Esta ideia é perfeitamente legal, uma vez que no EUA não há nenhuma legislação que regulamente a venda destas pilulas do dia seguinte.

A questão se chegar cá esta ideia é mais educacional a meu ver que outra coisa. As menininhas e garotos podem achar que assim poderão ter sexo sem qualquer tipo de segurança é so ir ali ao lado comprar a pilula do dia seguinte e está o assunto resolvido, não usando preservativos ou descurando os que sabem sobre educação sexual e os riscos que existem.

Vending Machines com pilulas do dia seguinte

E todos sabemos que eles existem, mas curiosamente quando se está com tesão e não importa a idade faz-se coisas muito burras! E o aumento de sífilis e bebés a nascer com a doença é a prova disso. 

Todos sabem o que podem usar e fazer, todos sabem os riscos mas na hora do vamos ver… Camisinha aperta, toma-se a pilula do dia seguinte e resolve-se o assunto. Há coisas que a pilulas do dia seguinte não resolve. 
E convém lembrar que a pílula do dia seguinte não se deve abusar, porque sim ela tem efeito abortivo mas arrebenta com a saúde na mulher.


Então já sabe de a ideia pegar, compra um chocolate que é sempre bom para aumentar a libido, e um lubrificante e uma pilula do dia seguinte!
 
Back To Top
Copyright © 2014 Apimentadamente. Designed by OddThemes | Distributed By Gooyaabi Templates
apimentadamente.top